sábado, 19 de dezembro de 2009

Brisa

4 comentários:

Juracy Ribeiro disse...

Nossa, que carinha de boneca.
Carinha de anjo.
Zenilda, por caridade, me ensine a ser tão delicada quanto você.
Eu preciso disso.
Feliz 2010: Luz na mente, paz no coração.
Beijos,
Jura.

Zenilda Lua disse...

Minha Poeta Jura
deixe de ser demorosa nesse exagero!
Pedir por caridade que eu te ensine
delicadeza
onde já se viu?
Seus poemas são de brandura plena
você é calêndula, noite fina de jardim, prata amolecida em quimera acesa.
Adoro-te mas, ensinar o que já és,
tenho como fazer não.
Posso beijar-te as mão e os cabelos perfumosos
estalar cheiros na buchecha
isso eu posso!

priscilaluzdias disse...

Brisinha lindaaaaaaahhhhh!!!!

janaina disse...

Jesuis como a Briza cresceu linda!!!!
beijos
Jana